PESCARIA COM MEU AVÔ

13/12/2018

Nas minhas férias não procurei praia nem parques.
Preferi ir ao interior, na casa do meu avô
Na calmaria daquele lugar resolvemos navegar
Ele então me ensinou como pescar
Não fez gestos e não disse uma se quer palavra
Foi então que percebi que o silêncio era a sua maneira de ensinar
Com isso voltamos para casa, exaustos mas sensatos.
O tempo então passou e só lembranças boas em mim ficou. 


Emerson Araújo